Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility

Consultoria em biblioteca, literatura e leitura.

- A +

Parceria com Cia das Letras, Clube de Leitura virtual discute "Apátridas"

Postado em 27 DE abril DE 2020
[caption id="attachment_59788" align="aligncenter" width="702"]A capa de 'Apátridas' e o seu autor, Alejandro Chacoff A capa de 'Apátridas' e o seu autor, Alejandro Chacoff[/caption]

O primeiro Clube de Leitura da BSP realizado em parceria com a editora Companhia das Letras, na sexta (24), trouxe ao centro do debate o livro "Apátridas", romance de estreia do escritor, ensaísta e crítico literário da revista Piauí Alejandro Chacoff. Foi também a estreia do programa da biblioteca no formato de reunião virtual em vídeo, com participação de pelo menos dois leitores de fora de São Paulo.

Em "Apátridas", Chacoff segue a atual tendência da literatura contemporânea brasileira de autoficção, em que as fronteiras entre memória e ficção são pouco definidas. O narrador do romance volta dos Estados Unidos, onde passou a infância, e vai para a casa do avô materno, no interior do Mato Grosso. Nesse choque de mundos e gerações, ele descobre muito sobre sua origem, sobre sua família e sobre seu país natal.

A discussão girou muito em torno da prosa sofisticada de Chacoff e de sua inserção no gênero da autoficção. "Ele traz muito da sua história para o romance", disse o moderador Leonardo Costa. Já a leitora Ivone Basílio falou que o autor escreve de "maneira muito delicada": "Tem algumas imagens que ele usa, por exemplo, 'ele ria em inglês'. Gostei muito dessa forma como ele colocava as coisas".

Fabi Gaton, que é professora de literatura em Valinhos, elogiou a iniciativa da BSP de colocar o Clube de Leitura neste formato de reunião virtual em vídeo, o que a permitiu participar do programa. Leitora de clássicos, viu na escolha de "Apátridas" uma oportunidade de investir na literatura brasileira contemporânea: "E foi uma grata surpresa. O livro tem ritmo e delicadeza".