Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility

Consultoria em biblioteca, literatura e leitura.

- A +

Obra de Conceição Evaristo será discutida no Clube do Audiolivro de novembro

Postado em 20 DE outubro DE 2021
Crédito: Leo Martins
 Marcando o mês da consciência negra, o Clube do Audiolivro on-line discute, no dia 9 de novembro, das 14h30 às 16h, Becos da Memória, o segundo livro da escritora Conceição Evaristo, lançado em 2006.  

A obra é considerada um dos romances memorialistas mais importantes da literatura contemporânea. Nela, a autora conta, por meio de personagens, as suas lembranças da  infância e da juventude vividas na favela Pindura Saia, em Belo Horizonte (MG).

Conceição Evaristo escreve com lirismo e delicadeza sobre o cotidiano dos moradores que enfrentam o desamparo, o preconceito, a fome e a miséria. A escuta atenta do audiolivro possibilita aos leitores refletirem sobre questões profundas da sociedade brasileira.

Com as suas obras, a escritora cunhou na literatura o conceito escrevivência. O termo, segundo ela, dá luz à mulher negra que escreve o que vive, como protagonista de suas histórias e de seu tempo. 

No Clube do Audiolivro, os participantes poderão compartilhar sua experiência de leitura e se aprofundar na discussão sobre a obra. As inscrições começam no dia 21 de outubro e podem ser feitas AQUI. Os inscritos precisam de ser sócios da biblioteca para ouvir o audiolivro, sendo possível fazer a carteirinha presencialmente ou on-line, de forma simples e rápida.

Becos da Memória_capa quadrada

“Um dia, agora ela já sabia qual seria a sua ferramenta, a escrita. Um dia, ela haveria de narrar, de fazer soar, de soltar as vozes, os murmúrios, os silêncios, o grito abafado que existia, que era de cada um e de todos. Maria-Nova um dia escreveria a fala de seu povo.”

Conceição Evaristo, em Becos da Memória