Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility

Consultoria em biblioteca, literatura e leitura.

- A +

O quadrinista Thiago Pereira reúne dicas de HQs que você deve conhecer

Postado em 12 DE julho DE 2021
A BSP recebe, sábado, dia 17 de julho, das 13h às 16h, a oficina presencial "Introdução prática às HQs", com Thiago Souto Pereira. Indicada para maiores de 14 anos, os participantes terão uma iniciação aos fundamentos das Histórias em Quadrinhos e conhecerão técnicas e ferramentas para começarem a criar suas próprias histórias. Faça sua inscrição aqui e participe!

E para quem já deseja conhecer mais sobre o tema, Thiago fez uma seleção de algumas obras de referência. Confira as dicas do quadrinista e faça o empréstimo desse livros aqui, na Biblioteca de São Paulo, ou na Biblioteca Parque Villa-Lobos.

"Angola Janga", de Marcelo D'Sallete


CAPA-ANGOLA-JANGA

Ganhadora do Prêmio Jabuti, do Prêmio Grampo de Ouro e do Prêmio HQ Mix, esta é uma HQ brasileira já traduzida para o inglês, francês, italiano, turco, alemão e espanhol. Durante 11 anos, Marcelo D’Salete, também autor de "Encruzilhada" e do sucesso internacional "Cumbe", pesquisou e preparou-se para contar a história dessa rebelião que tornou-se nação, referência maior da luta contra a opressão e o racismo no Brasil. O resultado é um grandioso romance histórico em quadrinhos que fala de Zumbi, e de vários outros personagens complexos como Ganga Zumba, Domingos Jorge Velho, Ganga Zona, e diversos homens e mulheres que compõe o retrato de um momento definidor do Brasil. Além disso, o autor já foi o nosso convidado do programa Segundas Intenções. Confira aqui o bate-papo completo!

"Jimmy Corrigan - o menino mais esperto do mundo", de Chris Ware


2937590
Lançado em 2000, nos Estados Unidos, esta é considerada uma das mais importantes histórias em quadrinhos por diversos motivos, entre eles, destaca-se um enredo sofisticado e parcialmente autobiográfico de temática adulta e ao estilo gráfico inconfundível de Chris Ware, caracterizado por seu detalhismo, por sua inspiração na publicidade e no design gráfico americano do início do século XX, por sua estrutura cronológica intrincada e também pela exploração ousada das possibilidades narrativas dos quadrinhos.

"Ayako", de Osamu Tezuka


2000139458

É com uma trama envolvendo a história da família Tenge e seus mistérios, que o quadrinista Osamu Tezuka conta a história do Japão no pós-guerra.

"Persépolis", de Marjane Satrapi


2317592

Marjane Satrapi tinha apenas dez anos quando se viu obrigada a usar o véu islâmico, numa sala de aula só de meninas. Nascida numa família moderna e politizada, em 1979 ela assistiu ao início da revolução que lançou o Irã nas trevas do regime xiita. Depois de 25 anos, com os olhos da menina que foi e a consciência política à flor da pele da adulta em que se transformou, Marjane emocionou leitores de todo o mundo com essa autobiografia em quadrinhos.

"Você é um babaca, Bernardo", de Alexandre Lourenço


46349848

O quadrinista Alexandre Lourenço teve a ideia de sua primeira HQ longa ao desenhar o corpo de um homem caminhando no sentido contrário ao de sua cabeça. Batizado de "Você é um Babaca, Bernardo", a obra mostra o esforço do protagonista do gibi em manter os impulsos aventurescos de sua cabeça em detrimento de seu corpo acomodado.

"Sem dó", de Luli Penna


46714618

Em seu primeiro livro de quadrinhos, a ilustradora Luli Penna usa a São Paulo dos anos 1920 para criar uma bela e trágica HQ de amor. "Sem dó" é a história de um casal que se apaixona nessa São Paulo, mas também um passeio por seus bairros, uma olhadela generosa nos jornais e cinemas da época e, talvez, uma resposta sobre o sentido dessa famigerada modernização.

"Desconstruindo Una", de Una


46354086

Um assassino em série está aterrorizando o condado inglês e a polícia encontra dificuldade em resolver o caso, mesmo tendo interrogado o assassino (sem o saber) por nove vezes. Enquanto a história se desenvolve ao seu redor, Una, então com 12 anos, vivencia uma série de atos violentos, pelos quais se culpa. A HQ examina o significado de se crescer em meio a uma cultura na qual a violência masculina não é punida ou questionada. Com uma retrospectiva de sua vida, Una explora sua experiência e se pergunta se algo realmente mudou, desafiando a cultura que exige que as vítimas de violência paguem por ela.

"Luzes de Niterói", de Marcello Quintanilha


2111916970

Depois de muitos prêmios e aclamação internacional, Marcello Quintanilha volta à cidade onde nasceu e cresceu, Niterói. Ele mergulha nas águas da Baía da Guanabara e traz de lá uma trama baseada em fatos reais. Esta é uma aventura cheia de suspense, que envolve pescadores, futebol, a vedete Luz del Fuego e o primeiro campo naturista do Brasil e, ao mesmo tempo, apresenta uma formidável história de amizade e um retrato do Brasil dos anos 1950.

"Três Sombras", de Cyril Pedrosa


images

"Três sombras" é um romance de aventura que explora sutilmente questões de ordem filosófica e moral. Nesta HQ, vamos conhecer a história de Joachim e seus pais, que levam uma vida tranquila em uma pequena casa no campo até que a aparição de três sombras no alto de uma colina rompem com a harmonia da vida em família. A cada tentativa de aproximação, as figuras misteriosas desaparecem. Logo, eles percebem que as sombras estão ali para buscar Joachim. Recusando-se a aceitar esse fato, o pai foge com o filho em uma viagem febril e desesperada.

"O Príncipe e a Costureira", de Jean Wang


103395543

O livro conta a história da princesa Cíntia, que quando nasceu foi prometida em casamento para Febo, o príncipe do reino vizinho. Quando chegou a época da cerimônia, a princesa foi encomendar seu vestido e conheceu a costureira Isthar, por quem se apaixonou. Quando Cíntia anunciou para os pais suas intenções com Ishtar e disse que não mais se casaria com Febo, seu pai mandou que a prendessem na torre do castelo, pois desafiou o interesse e a tradição dos reinos. Este livro pretende auxiliar familiares e profissionais na discussão sobre a diversidade humana e sobre a luta mais ampla pelos direitos das pessoas LGBTQI+.

"Aqui", de Richard McGuire


46477537

"Aqui" conta a história de um canto de uma casa e o que aconteceu ali durante centenas de milhares de anos. Aguardado há quase três décadas, o livro é a versão final de uma ideia que McGuire publicou numa revista independente nos anos 1980. Dramático, cômico e amplamente inovador, a obra apresenta as possibilidades infinitas da linguagem dos quadrinhos.

"Mensur", de Rafael Coutinho


46463280

Um dos artistas mais talentosos do quadrinho brasileiro, Rafael Coutinho produz este romance gráfico em parceria com o romancista Daniel Galera. Em "Mensur", o autor conta a história do Gringo, um andarilho que percorre cidades brasileiras em busca de bicos e trabalhos manuais e, também, um dos últimos praticantes do mensur, uma luta de espadas surgida na Alemanha do século XV entre estudantes universitários. Enquanto lida com seus próprios fantasmas e obsessões, um caso amoroso pode colocá-lo em conflito com seu passado e com segredos que jamais deveriam vir à tona.