Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility

Consultoria em biblioteca, literatura e leitura.

- A +

Atividade destacou mulheres negras na literatura

Postado em 26 DE abril DE 2021
Captura de Tela 2021-04-23 às 17.06.39

Quantas escritoras negras você já leu? A partir desse questionamento, Carine Souza e Juliane Souza, do coletivo Mulheres Negras na Biblioteca, iniciaram o Bate-papo Ler autoras negras, por que não?, que aconteceu em 23 de abril, em comemoração do Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor.

A atividade teve início com um panorama sobre como nasceu o projeto e os desdobramentos da iniciativa desde a sua criação. Elas destacaram ações como mediação de leitura, bate-papo com escritoras e rodas de conversa que visam ampliar o olhar do leitor.

“A partir do momento que percebemos a necessidade de reivindicar a presença dessas obras nas bibliotecas e, consequentemente, que as pessoas leiam, decidimos fazer ações que podem dar um pouco de trabalho na prática, mas que são ideias simples. Qualquer pessoa é capaz de fazer uma transformação nesse sentido”, incentiva Carine Souza.

Em resposta à pergunta inicial, Juliane destaca que não é necessário ler somente porque trata-se de obras que são autoras negras, mas porque essas obras exploraram com profundidade o negro na sociedade. “Você tem que ler porque é literatura e é uma literatura que não é lida no Brasil”, ressaltou.

Durante a apresentação foram citadas escritoras como Chimamanda Ngozi Adichie, Conceição Evaristo, Toni Morrison e Carolina Maria de Jesus. E você encontra os livros destas e de outras autoras negras no catálogo da Biblioteca de São Paulo e Biblioteca Parque Villa-Lobos.

Siga Mulheres Negras na Biblioteca no Facebook e Instagram.

Captura de Tela 2021-04-23 às 17.17.00

Captura de Tela 2021-04-23 às 18.05.20
Captura de Tela 2021-04-23 às 18.30.39 Captura de Tela 2021-04-23 às 18.40.02