marcelino freire na bvl

Oficina de escrita com premiado escritor Marcelino Freire


O Centro Cultural e de Estudos Superiores Aúthos Pagano promove nos dias 24 e 25 de julho a Oficina de Escrita: Soltando a Língua, com o premiado escritor Marcelino Freire. A atividade é gratuita, será das 14h00 às 18h00, e é indicada para estudantes, professores, escritores e amantes da literatura em geral, a partir de 16 anos. A instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo é gerenciada pela SP Leituras e fica localizada na Rua Tomé de Souza, 997, no bairro Alto da Lapa. A oficina tem carga horária de 8 horas e as inscrições podem ser realizadas por e-mail (agendaccap@spleituras.org) até o dia 18 de julho.

Marcelino Freire nasceu em Sertânia (PE) e vive em São Paulo desde 1991. É autor, entre outros, de Contos negreiros, Prêmio Jabuti 2006, e o romance Nossos ossos, Prêmio Machado de Assis de Melhor Romance, ambos publicados pela Editora Record. É o criador e curador da Balada Literária, evento que acontece anualmente na capital paulista desde 2006.

Também coordena oficinas literárias desde o ano 2000. Já percorreu várias cidades do Brasil e ajudou a muitos escritores a tirarem os seus textos da gaveta. Na atividade, o autor pernambucano vai dar dicas de como enxugar o texto, criar personagens, valorizar vocabulário próprio e preparar um livro, não importando o gênero literário da obra.

Veja como foi esta atividade na Biblioteca de São Paulo –> https://goo.gl/z7pXso

 

Centro Cultural e de Estudos Superiores Aúthos Pagano

O Centro Cultural e de Estudos Superiores Aúthos Pagano é um equipamento da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo gerenciado pela organização social de cultura SP Leituras. Está instalado numa casa em estilo modernista construída em 1929, o terceiro imóvel da cidade a abandonar os adornos e apresentar um visual limpo e com linhas retas, levando a assinatura do arquiteto Gregori Warchavchik. Foi inaugurado em 1982 e atualmente promove atividades ligadas a diversas expressões artísticas, como dança, coro e oficinas literárias. É um importante ponto de cultura na zona oeste da capital paulista.

 

SP Leituras

A SP Leituras – Associação Paulista de Bibliotecas e Leitura – é uma organização social sem fins lucrativos, criada em maio de 2010. É uma instituição de natureza cultural, engajada em ações relacionadas à propagação do gosto pela leitura em todos os segmentos da população, aos mais variados públicos, com atenção especial a pessoas com deficiência. É responsável pela gestão da Biblioteca de São Paulo (BSP), localizada no Parque da Juventude (antigo presídio do Carandiru), e da Biblioteca Parque Villa-Lobos (BVL), situada no Parque Villa-Lobos, na zona oeste. Também coordena o Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas (SisEB), que realiza a qualificação de equipes das bibliotecas dos 645 municípios paulistas, além de promover mais de 400 eventos culturais em todo o Estado.